"He`e Nalu - Deslizando nas Ondas"


Muito amor a vocês amigos!

 

               

 

                Faz muito tempo que não escrevo neste blog, tenho me dedicado muito para escrever no novo blog que já vem conquistando seu espaço entre os amantes de esportes.

                Mas eu precisava usar este espaço para escrever alguma coisa sobre um casal de amigos...

                A 10 dias atrás dos queridos amigos se casaram, Igor e Tati, na mais linda cerimônia que pude presenciar até o momento, pude ver de perto e compartilhar todas as emoções no altar.

                Queria desejar-lhes todo o amor do mundo, toda a sorte e felicidade que possam ter e como estava na carta que lhes escrevi, muito amor, um amor sincero por que este é o único que permitira a felicidade de vocês.

                Sejam sempre honestos entre vocês e com seus amigos que podem ter certeza que vão conquistar muitas coisas e a todos. Como conquistaram a mim e a Mari!

                Desejamos muito amor, muita paz e muita alegria aos recém casados!

                E também muita sorte!

                PARABÉNS...

                PS: quero ver as fotos do casamento e de Fernando de Noronha, hein?!

                     PS2: desculpem a falta de atualização, mas aproveitem que estou atualizando quase diariamente o Blog Olímpico, que esta muito bacana.

Escrito por Matias Boledi às 12h03
[ ] [ envie esta mensagem ]


          Convido a todos a conhecerem meu novo blog... trata-se de um espaço dedicado aos esportes amadores e olimpicos, vale a pena conferir. o link esta relacionado na coluna lateral e para facilitar pode ser acessado clicando no seguinte link: www.mbolimpico.zip.net , abraços.

Escrito por Matias Boledi às 17h10
[ ] [ envie esta mensagem ]


Isso é Remo!

 

Encontrei ontem este video produzido e editado pelo Técnico e Amigão Acacio "Mela" Lemos... as imagens são da turma do Paulistano, equipe de 2006, um ano apos meu afastamento... Descobri agora apenas como colocar videos aqui no blog, então acredito que apartir deste momento se inaugura uma nova fase, uma fase que ira transender as palavras... Ainda tem mais novidades por vir, espero que gostem... Abraços, Matias



Escrito por Matias Boledi às 11h31
[ ] [ envie esta mensagem ]


Heróis Anonimos.

           

                Que o esporte amador sempre foi deixado de lado neste país é uma coisa que todo mundo sabe. Que problemas internos envolvendo a federação ou confederações isso também todo mundo sabe.

                O que quase ninguém sabe é que neste ultimo final de semana o Brasil ganhou no esforço e dedicação de 3 filhos desta pátria as primeiras medalhas de ouro da HISTÓRIA DO REMO!

                Sim é verdade o que estou escrevendo.  Cláudia Santos, no Single Skiff, e a dupla Lucas Pagani e Joseane Silva, no Double Skiff Misto, conquistaram alem das inéditas medalhas no mundial de remo conquistaram vagas para a Olimpíada de Pequim.

                Mas ainda tenho que revelar mais uma coisa. Esses atletas não são simples atletas, são feras, são incansáveis e tem o coração de ouro, são especiais.

                Tentem imaginar fazer todas as coisas do dia-a-dia sem uma perna!? Tentem imaginar praticar um esporte neste país com uma necessidade especial? Agora alem de tudo isso imaginem conquistar uma medalha que nunca foi conquistada!?

                Essas são as historias que sempre vemos por ai? Não, essas são historias de brasileiros, que sem suporte conquistaram seus objetivos e vão participar de uma olimpíada com enormes possibilidades de vitoria. Se bem que a vitoria não é tão importante quanto estar em Pequim no ano que vem!

                Ah você não sabia desta conquista? Pois é, eu também não vi no globo esporte, nem na ESPN. Não, realmente não passou, e não vai passar, por que o esporte amador não vende, não é destaque, muito menos o esporte adaptado, vejamos pela “extensa transmissão do ParaPan”.

                E aqui fica expressada minha felicidade por esses HERÓIS do remo, do esporte brasileiro e por todos os atletas brasileiros que afinal todos nós temos uma necessidade especial, a falta de reconhecimento.  

  

Claudia Santos 1° Lugar no World Rowing Championships em Munique, Alemanha.

               

Desculpem mas vou ficar devendo as fotos do Double Skiff Misto, esta muito difícil de conseguir fotos.

 

 

 



Escrito por Matias Boledi às 16h33
[ ] [ envie esta mensagem ]


O nosso ORGULHO!

               

O RENAN é o primeiro da dir para a esq.

 

                Conheci esse rapaz quando era ainda uma criança, loirinho e gordinho logo ganhou o apelido de pão de queijo.

                Sempre esforçado, lutou muito contra a insegurança e contra seus adversários. Treinou muito a vida toda e hoje ele conseguiu marcar uma grande vitoria na sua carreira. Uma medalha de PRATA nos Jogos Pan-Americanos do Rio de Janeiro.

                A prova era no 8 com timoneiro, que foi disputadíssima até os primeiros mil metros, onde ainda passava pelas cabeças dos remadores brasileiros o sonho da medalha dourada, mas não deu, o barco americano era muito superior, e as más condições da raia não permitiram uma vitoria brasileira.

                Porém venceram de guarnições que eram apontadas como favoritas antes da prova.

                Esse texto é muito especial, teria tanta coisa para escrever aqui, como o dia que ele queria parar de remar, estávamos no  Guarujá fazendo testes ergonometricos  para a seleção e ele achava que não servia para ser remador... Ou outros momentos divididos em Saquarema, onde queríamos formar uma parceria que acabou não sendo compreendida por nosso técnico.

                Renan é um cara simples, um medalhista de prata nos jogos pan-americanos, meu amigo, meu irmão, meu parceiro de muitas regatas... Foi um orgulho encerrar minha carreira sendo campeão brasileiro no quádruplo skiff, ao seu lado cara!

                Se um dia você se espelhou em mim, hoje somos nós (eu e todos que remam em SP) que nos espelhamos em você.

                Parabéns por mais essa conquista! E que venham muitas outras!

                Valeu Renan, continue sempre assim, treinando forte e sendo essa pessoa maravilhosa que você é!



Escrito por Matias Boledi às 19h43
[ ] [ envie esta mensagem ]


Saudosista.

                Esse foi um mês de muito trabalho, e poucos textos, ou melhor, nenhum. Até agora. Esse vai ser mais um relato do que realmente um texto. Por que realmente não ando inspirado a escrever lindos textos ou lindos sentimentos.

                Há muito tempo não vejo o mar, muito menos desfruto das ondas...

Há muito tempo sonho com uma banda, com as musicas e no momento não sei quando poderei desfrutar do som puro do rock. Por N motivos, onde também sou responsável.

Foram semanas puxadas de muito trabalho e muito aprendizado. Que valeram muito a pena, na minha formação profissional, novas oportunidades se abrirão por conta desse esforço.

 

Ontem foi um dia especial, marcado por km de distância, mas com muito amor... A pesar do meu cansaço pós-trabalho e do sono pelo fuso adiantado, pudemos matar um pouco a saudades, graças à tecnologia da internet e suas Webcams.

 

Saudosista dos amigos, que estão longe, em outros países (né Zé?) dos meus Noivos queridos, que tanto quero conversar, mas nunca consigo, dos amigos de infância e das “peladas” no condomínio.

Logo estarei passando um tempo próximo a todos esses, e assim quem sabe, matando a saudade.

Era isso.

 

Queria mandar beijos e abraços a todos os meus queridos amigos, parceiros de banda e a minha maravilhosa gatinha Mary que logo estará entre-nos novamente, faltam apenas 13 dias... Que conto todos os segundos desde sua ida ao velho mundo.

 

Saudades...

Até



Escrito por Matias Boledi às 20h37
[ ] [ envie esta mensagem ]


           

            Sinto a sua falta,

            Como a gaivota do mar,

            Sinto-me vivendo longe,

            Daquele lindo mar.

           

            Que acontece que não mais te vejo?

            Mas ainda bem que lembro do seu Beijo,

            Saudades de mais,

            Memórias de mais.

           

            Onde estas meu amor?

            Volte logo, por que sem você,

            É difícil viver,

            Até mesmo, sobreviver.

 

            Amo-te muito,

            Te amo muito...

            Estarei sempre aqui,

            Esperando-te...

 



Escrito por Matias Boledi às 22h51
[ ] [ envie esta mensagem ]


           Ainda na curtição do show de algumas semanas atrás, resolvi que seria muito legal, apresentar a banda de uma forma mais efetiva. Com certeza, para mim, esta é a melhor banda do mundo, por que em cada acorde, em cada nota, a cada batida, libera-se amor ao rock and roll e também sonhos... E sonhar é muito bom, então com vocês a melhor banda-dos-sonhos...

Lucas - Guitarra e Voz

Julian - Guitarra

Eu (Matias) - Contra-Baixo

Tiago - Bateria



Escrito por Matias Boledi às 12h54
[ ] [ envie esta mensagem ]


O dia mais magico de todos!

            Finalmente voltei a escrever... E para contar como foi um dos dias mais mágicos de minha vida...  O relato que segue a baixo é cheio de emoções, emoções que só o Rock and Roll pode proporcionar.

 

            Tudo começa com um lindo dia de sol, sem nenhuma nuvem no céu. Aquela correria de festa, arrumando tudo para um churrasco que seria de comemoração do aniversario de meu irmão e de um amigo.

            Porém em vez de arrumar uma churrasqueira, de colocar cerveja para gelar a principal preocupação era de arrumar o som. Som? Esse churrasco com certeza marcaria para sempre a vida de 4 pessoas.

            Conseguimos antes de começar a festa, montar todo o circo, ou melhor um psico-circus, com amplificadores, guitarras, cabos e uma sonora bateria. Toda a aparelhagem necessária para fazer as pessoas sacudirem suas cabeças.

            Deixamos tudo pronto e começamos a curtir a festa. As pessoas começaram a chegar e todos reparavam nos instrumentos colocados no canto da área de lazer do condomínio. E uma expectativa foi sendo criada.

            Estávamos apenas esperando o numero máximo de pessoas para começar a apresentação. Pois é, seria a estréia da banda que foi formada por pessoas que mal se conheciam (meu caso com os integrantes, em exceção do meu irmão) e que hoje são amigos inseparáveis.

             La pelas seis horas da tarde, quando caiu a noite, todos estavam esperando, a adrenalina tomava conta de todos. Todos em suas posições, amplificadores ligados e olhos atentos aguardando o primeiro acorde.

            Lembro que minha perna tremia tanto, que era até difícil de se equilibrar. Mas quando o nosso baterista, Tiago, abriu contagem, estávamos prontos, era simplesmente rock and roll.

            Abrimos o show com a famosa musica do Stone Temple Pilots, Plush, para delírio de alguns. O nervosismo passou, e a musica começou a fluir livre por todos os lados.

            Nosso vocalista, Lucas, cantava com propriedade, com sua voz pura igual a de um amante do rock. Soltava gritos de liberdade, levando todos os ouvintes ao mágico lugar que só o rock transporta.

           

            Continua a baixo!



Escrito por Matias Boledi às 16h15
[ ] [ envie esta mensagem ]


            Quando encerramos a primeira musica, um monte de aplausos soou forte, uma energia fortíssima nos tomou quando começamos a segunda musica, um sucesso da melhor banda do mundo, Kiss. Strutter.

            Era mágico ouvir os solos insanos que saiam da guitarra do Lucas, com certeza melhor que todos os solos já ensaiados.

            A interatividade da banda era espetacular, eu e meu irmão dividindo o mesmo palco, pulando e tocando, fazendo musica como sempre sonhamos.

            Rock puro na terceira musica, Machine Head, para explodir os ouvidos de todos. Mas foi a quarta musica que arrebentou mesmo. Detroit Rock City, mais uma do Kiss. Só quem estava presente pode ver o solo maravilhoso que o Julian fez para delírio geral.

            Nirvana para encerrar a lista. O puro grunge, para aqueles amantes de riff’s pesados e gritos insanos.

            Mas ainda havia uma surpresa. Um risco para a banda e para o show que estava muito bom até o momento. Iríamos tentar tocar uma musica, um clássico, que talvez seja uma das melhores musicas já compostas no mundo do rock. Smoke on the Water.

            Destaque para a batera do Tiago, como ele tocou nessa musica. Fez jus a banda que mais gosta. Banda que assistimos juntos a pouco mais de um ano. Mais um solo insano, e assim tínhamos conquistado todos os presentes que aplaudiram muito ao final da musica.

            Depois tocamos um bis de plush e encerramos o primeiro e muito provável não o ultimo show de nossas vidas.

            Desligamos tudo, tão felizes, abraços para todos os lados, entre-nos da banda, com os familiares que estavam presentes, com os amigos que elogiavam e davam sugestões.

            Foi lindo, hoje olhando as fotos que foram tiradas naquele dia, sempre encontrávamos alguns sorrisos espalhados, tanto daqueles que assistiam como daqueles que estavam tocando.

            Uma noite, estrelada, com uma lua maravilhosa que entrou para a historia.  Dia 26 de maio de 2007, foi o dia que estreamos, um dia que nunca mais vamos esquecer.

            Valeu JULIAN (GUITARRA), LUCAS (GUITARRA E VOZ) E TIAGÃO (BATERA) nunca mais vou esquecer desse dia mágico. O dia que fizemos rock and roll,e  tomará que não seja o único!!!

 

          

 (esq. para a dir. Lucas, Julian, Tiago e Eu)

 

Foto tirada no Show do dia 26/05/07

 

 



Escrito por Matias Boledi às 16h09
[ ] [ envie esta mensagem ]


 

          Realmente faz tempo que não escrevo nada por aqui, a ultima vez já tem mais de semanas... Pois é estive doente por uns dias e logo mais volto a escrever normalmente por aqui... até lá, aproveitem para ver textos antigos e passear pelo blog. abraços



Escrito por Matias Boledi às 00h15
[ ] [ envie esta mensagem ]


Eu Fui! Parte 2

           

 

            A ansiedade estava tomando conta de todos. Eram já umas 10 e meia da noite, já tinha chovido, já tínhamos tomado umas cervejas, estavam todos ansiosos.

            Tinha uma movimentação louca de gente querendo chegar mais perto dos ídolos. Estava difícil e apertada a situação no gramado do Morumbi. Muita gente alta, que dificultava a visão do show (como queria ter 2 metros de altura viu!).

            Mas logo apagaram as luzes de novo. Agora era para valer, Steven Tyler e Joe Perry estavam chegando. E chegaram com tudo que tinham direito. Abriram o Show com Love in an Elevator, para delírio de todos que estavam ali presentes.

            Foi um show perfeito. Mesmo com a visão prejudicada.

Um dos pontos altos foi quando o guerreiro vocalista (guerreiro por que aos 58 anos correu como louco em quase duas horas de show), começou a falar (em inglês, claro) que se nós pensávamos que eles não sentiam a nossa falta, DREAM ON! E começou uma das melhores musicas da historia do rock.

            O Morumbi desabou. Todos cantando, e dando tudo que suas gargantas podiam dar, o som ecoava pelo estádio, que sem duvida deve ter até arrepiado os experientes músicos americanos, mostrando o amor que os brasileiros têm por essa incrível banda.

            Depois disso? Depois de todos os clássicos? O que podíamos esperar, teoricamente mais nada, mas o “showman” Joe Perry, não deixou barato. Ele durante o show todo deu um espetáculo a parte.

            Vestido com um traje de gala antigo, com lenços amarrados no pescoço, mangas longas e rasgadas, começou a levantar a galera com seus solos de dar inveja (até mesmo no Slash).

            Tocou com a guitarra nas costas (que deu para ver direitinho, sem necessidade de ver o telão), pulou, correu, dançou e no final da ultima musica (antes do bis) jogou a guitarra no chão arrancou a camisa e começou a chicotear-la com toda sua fúria, para delírio de todos, ficou lá espancando a guitarra por alguns segundos.

            Depois saiu correndo e se atirou sobre a bateria. Para delírio geral, inclusive da banda! Para fechar sua noite, se abaixou e reverenciou o publico que o aplaudia sem parar!

            O bis? Foi econômico, penas uma musica, mas foi mais que suficiente. Walk This Way. Estávamos mais do que satisfeitos.

            Quando acenderam as luzes novamente, tínhamos a certeza que presenciamos um dos melhores shows da historia. Pelo menos da nossa historia. Foi maravilhoso!!!!

 

            Tomara que não demorem outros 13 anos para voltar às terras tupiniquins, por que aqui, com certeza cantamos mais alto que em qualquer outro lugar do planeta!

            Um salve ao Rock and Roll, um salve ao AEROSMITH!!!!! VALEU SÃO PAULO!!! OBRIGADOOOO!!!!!

 



Escrito por Matias Boledi às 14h54
[ ] [ envie esta mensagem ]


Eu Fui! parte 1

           

            Esse texto só podia começar dessa forma. Eu estive lá, no Morumbi, junto de outras 65 mil pessoas, pulando, gritando, rindo e se emocionando com os gigantes do rock and roll americano.

            Mas este primeiro texto, vou dedicar à banda que abriu o MEGA SHOW realizando nesta quinta, dia 12 de abril (ontem).

            Chegamos ao Morumbi as 5 e meia da tarde, tomamos umas cervejas e corremos para dentro da arena São Paulina. Quando entramos, todos eufóricos, gritando, correndo, vimos o enorme palco montado no gramado e muita gente. Foi uma visão única!

            Corremos pelo gramado, e logo nos acalmamos e iniciamos a longa espera pelo o show. O tempo foi passando devagar, mas as 9 horas da noite, as luzes se apagaram, um barulho ensurdecedor tomou conta do morumbi.

            O primeiro acorde vem, com um toque de liberdade, todos pulando e gritando, cantando junto com Scott Weiland (ex-vocalista do Stone Temple Pilots).

            O Velvet Revolver arrebentou com suas musicas e com as musicas das antigas bandas ( Stone Temple Pilots e Guns).  Porém talvez para muitos o ponto alto do show foi os solos sensacionais do guitarrista Slash. Com seu jeito inconfundível (Cartola, os cabelos encaracolados no rosto e o cigarrinho), tocou com muita propriedade cada nota, alem do que a cada nota tocada o Morumbi tocava junto.

            Para encerrar o show, deixaram o seu trunfo, Slither (a musica que eu queria ouvir). Novamente estava todo mundo pulando e gritando com o peso da musica. O Slash solando como um louco. Nossa. Fui muito bom.

            Final do show, as luzes se acendem e o Aerosmith esta cada vez mais perto!

 

Ps: Será que alguem consegue me encontrar ai no meio? dica: olhem em direção do cara de azul com os braços levantados.

 Essa foto foi tirada do Site do UOL!



Escrito por Matias Boledi às 14h27
[ ] [ envie esta mensagem ]


Uma carta para sempre!

           

 

            Existem coisas que nos acontecem e não temos a menor idéia do por que. Somos seres dotados de inteligência, sentimentos, de racionalidade, mas mesmo assim não conseguimos entender muitas coisas.

            Por que as pessoas se vão?

 

            Eu nunca tinha sentido isso, nunca tinha enfrentado essa angústia de nunca mais poder ver, tocar ou sentir uma pessoa querida e amada.

            Gostaria de ter me despedido, de ter dito que te amava muito, gostaria de ter pedido desculpas por alguma coisa que fiz de errado, gostaria de ter dito o quanto era importante na minha vida mesmo você estando longe fisicamente.

            Hoje eu sei (e acredito), que você foi ao encontro da pessoa que amaste a vida toda, que hoje você foi ao encontro de um novo mundo, um mundo desconhecido para todos nós, um mundo que apenas acreditamos que exista.

            Espero que você esteja bem, esteja ao lado de seu amor, olhando para nós, nos cuidando, nos protegendo.

            Sei que vamos nos encontrar novamente, que ainda vamos poder rir juntos e nos divertir comendo alfajores e tomando uma boa taça de café ou vinho.

            Vamos sentir muito, sua falta, como já sinto neste dia. Um dia em que me lembrei de cada gesto, de cada conselho, de cada simples coisinha que você fez por mim e por todos que viviam no seu coração.

            Você nunca vai ser esquecida, sempre ira viver junto a mim, no meu coração.

 

            Esse texto é uma carta de agradecimento e de despedida, uma carta para você minha Vó querida, que nunca ira me deixar, por que você vive dentro do meu coração e com certeza de todos os corações que te amam.

            Desejo que Deus a tenha no conforto de seu lar. Onde possas olhar por nós em paz.

            Nos encontraremos, Não ainda, mas com certeza vamos nos ver novamente!

 

            Te amamos, Vovó Carmen...



Escrito por Matias Boledi às 02h07
[ ] [ envie esta mensagem ]


Esperando a onda perfeita.

 

            Hoje pude matar as saudades das ondas. Fazia tempo que não as via. Porem quebraram belas ondas nessa tarde.

            Sol, calor e corredores azuis. Três horas de surfe para recuperar a energia necessária para enfrentar o dia-a-dia. Como é bom poder surfar.

            Mas as ondas não puderam matar a saudade de uma pessoa. Uma linda garota que esta em outro continente.

            Durante todo o final de semana fiquei pensando nela, de como queria que ela estivesse mais perto, do meu lado. Mas ela não surgiu das sombras e sei que ela continua lá no velho continente.

            Mas tudo bem... Sei que estamos juntos de alguma forma, seja no pensamento, seja no sentimento. Mas estamos cada vez mais próximos, mesmo tão longe.

            Engraçado pensar assim, que precisaríamos de um afastamento tão grande como esse, para percebermos que nos amamos tanto. Mas se tinha que ser assim, agradeço aos céus por essa benção que é o amor.

            Um amor que não podemos mais medir ou duvidar. Um amor que não tem mais fim, nunca mais.

            Um amor como das ondas com sua praia. Mesmo quando elas não estão presentes a praia fica lá esperando a chegada de suas amadas-ondas-azuis.

            Acho que hoje sou como a praia, quieta e calma, esperando minha linda onda, de olhos fortes e escuros, de pele lisa e quente, de alegria e energia. Espero calmamente a minha onda perfeita.

            Mas torço que o tempo seja bom comigo, para que essa minha onda perfeita chegue logo e assim possamos surfar juntos novamente.

            Te amo Mari... Minha onda perfeita...

Muitas saudades...



Escrito por Matias Boledi às 20h04
[ ] [ envie esta mensagem ]


[ ver mensagens anteriores ]
 
Meu perfil





BRASIL, Sudeste, SAO VICENTE, ITARARE, Homem, de 20 a 25 anos, Portuguese, Spanish, Esportes, Música
MSN -



Histórico
14/10/2007 a 20/10/2007
02/09/2007 a 08/09/2007
15/07/2007 a 21/07/2007
08/07/2007 a 14/07/2007
03/06/2007 a 09/06/2007
27/05/2007 a 02/06/2007
06/05/2007 a 12/05/2007
08/04/2007 a 14/04/2007
01/04/2007 a 07/04/2007
18/03/2007 a 24/03/2007
04/03/2007 a 10/03/2007
18/02/2007 a 24/02/2007
11/02/2007 a 17/02/2007
04/02/2007 a 10/02/2007
28/01/2007 a 03/02/2007
21/01/2007 a 27/01/2007
07/01/2007 a 13/01/2007
24/12/2006 a 30/12/2006
17/12/2006 a 23/12/2006
10/12/2006 a 16/12/2006
03/12/2006 a 09/12/2006
26/11/2006 a 02/12/2006
12/11/2006 a 18/11/2006
15/10/2006 a 21/10/2006
01/10/2006 a 07/10/2006
17/09/2006 a 23/09/2006
10/09/2006 a 16/09/2006
03/09/2006 a 09/09/2006
27/08/2006 a 02/09/2006
20/08/2006 a 26/08/2006
13/08/2006 a 19/08/2006
06/08/2006 a 12/08/2006
23/07/2006 a 29/07/2006
09/07/2006 a 15/07/2006
02/07/2006 a 08/07/2006
25/06/2006 a 01/07/2006
18/06/2006 a 24/06/2006
11/06/2006 a 17/06/2006
04/06/2006 a 10/06/2006
21/05/2006 a 27/05/2006
14/05/2006 a 20/05/2006
30/04/2006 a 06/05/2006
23/04/2006 a 29/04/2006
16/04/2006 a 22/04/2006
02/04/2006 a 08/04/2006
26/03/2006 a 01/04/2006
19/03/2006 a 25/03/2006
12/03/2006 a 18/03/2006
05/03/2006 a 11/03/2006
26/02/2006 a 04/03/2006
19/02/2006 a 25/02/2006
12/02/2006 a 18/02/2006
05/02/2006 a 11/02/2006
08/01/2006 a 14/01/2006
18/12/2005 a 24/12/2005
27/11/2005 a 03/12/2005
20/11/2005 a 26/11/2005
13/11/2005 a 19/11/2005
06/11/2005 a 12/11/2005
23/10/2005 a 29/10/2005
16/10/2005 a 22/10/2005
09/10/2005 a 15/10/2005
02/10/2005 a 08/10/2005
25/09/2005 a 01/10/2005
18/09/2005 a 24/09/2005
11/09/2005 a 17/09/2005
04/09/2005 a 10/09/2005
28/08/2005 a 03/09/2005
21/08/2005 a 27/08/2005
14/08/2005 a 20/08/2005
07/08/2005 a 13/08/2005
31/07/2005 a 06/08/2005




Votação
Dê uma nota para
meu blog



Outros sites
 Pão na Chapa
 Waves
 Ondas Lusas
 Secret Garden - Blog Thaína (jornalismo e vida)
 Olímpico